Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 (41) 99289 8977

Encontre o que deseja

    Brasil

Jovem é asfixiada por esposo e irmã

Publicada em 15/01/24 as 12:57h por Edinalva Eugênio - 1807 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: Redes Sociais)
Na madrugada desta segunda-feira (15), uma jovem de 22 anos foi morta por asfixia em Sarandi.

 O crime ocorreu no bairro Jardim Bom Pastor e teve como suspeito o próprio marido da vítima, Edivan Fagundes da Lima, de 26 anos, que foi preso em flagrante.

A vítima foi identificada como Isabella Victoria de Andrade Silveira. A irmã dela, que é uma adolescente de 15 anos, foi apreendida por envolvimento no crime.

A princípio, a Polícia Militar foi acionada porque estaria ocorrendo uma briga entre duas mulheres na Rua das Providências. Ao chegarem ao local, os policiais encontraram Isabella sendo asfixiada pela irmã, uma adolescente de 15 anos. Edivan Fagundes estava abraçando as duas.

Ao ser questionada, a adolescente disse que presenciou uma briga entre a Isabella e o marido dela. A menor alegou ter aproveitado o momento para enforcar a própria irmã.

Contudo, após intensos questionamentos, Edivan confessou que foi ele quem matou a esposa por enforcamento. Segundo ele, o motivo seria uma suposta traição.

Para tentar se livrar das acusações e acobertar o assassinato, o suspeito teria instruído a adolescente a continuar segurando o pescoço da irmã até a chegada da polícia, para atribuir o crime a ela.

A adolescente foi novamente interrogada pelos policiais e logo confirmou a versão apresentada por Edivan. Além disso, ela revelou ter trocado mensagens de cunho amoroso com o cunhado e que teria tido um momento íntimo com o ele aproximadamente três semanas antes do crime.

Ambos foram detidos e encaminhados à Delegacia de Polícia Civil, ficando à disposição da justiça. O corpo de Isabella Victoria foi levado ao Instituto Médico Legal de Maringá.

Os dois filhos do casal, que estavam presentes na residência no momento do crime, foram recolhidos pelo Conselho Tutelar e serão encaminhados para familiares na cidade de Ponta Grossa.







ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Nosso Whatsapp

 (41) 99289 8977

Todos os direitos reservados

Converse conosco pelo Whatsapp!